Vader – 19-05-2018 – São Paulo (Manifesto Bar)

Texto por Evanil Jr – Fotos por Evanil Jr – Edição por André Luiz

A galera do Death Metal tomou conta do Manifesto Bar, ao menos na primeira parte da noite fria de sábado, 19, para assistir a apresentação da banda Vader, vinda direto da Polonia. A banda formada por Piotr “Peter” Wiwczarek na guitarra e vocal, Marek “Spider” Pajak na guitarra, Tomasz “Hal” Halicki no baixo e James Stewart na bateria, mostrou aos presentes um som pesado e direto, deixando o público enlouquecido a ponto de “abrir roda” a cada música.

A abertura do show ficou por conta do Venomous, grupo paulistano o qual se prepara para lançar ‘Defiant’, seu álbum de estreia. Formada por Thiago Pereira “Tigas” nos vocais, Gui Calegari nas guitarras, Ivan Landgraf também com guitarras, Alexandre “Ogrinho” Bonal no baixo e Lucas “Lema” Prado na bateria, a banda demonstrou que tem talento e pode vir a aparecer muito mais no cenário brasileiro. Este foi o segundo show do Venomous e com a responsabilidade de abrir para uma banda lenda do Metal. Começaram o show com a música “Whitin The Silence”, mostrando que não estavam para brincadeira e queriam conquistar todos que estavam ali naquele momento. Logo em seguida, tocaram “I Pray As I Prey” e continuaram agradando aos fãs que aguardavam o Vader. O encerramento se deu com a dobradinha formada por “Left With No Rights” e “Green Hell”, um som com uma mistura interessante de elementos brasileiros e o peso do Death Metal. Uma banda que vale a pena ficar de olho pela qualidade demonstrada e perspectiva para evoluir.

Set List Venomous:
Within The Silence
I Pray As I Prey
Trinity
Martyr
A New Beginning
Left With No Rights
Green Hell

Pontualmente as 20h, o quarteto do Vader subiu ao palco do Manifesto, show que faz parte da tour “The Ultimate Incantation – 25 Years Of Chaos” levando a galera a loucura, iniciando o show com “Dark Age” e logo em seguida tocando “Vicious Circle”, excelentes músicas que colocaram fogo de vez na galera, não deixando ninguém parado. Os últimos trabalhos lançados pela banda foram ‘The Empire’ (2016) e a coletânea ‘Dark Ages’, de 2017, trazendo regravações do disco debut de 1992, ‘The Ultimate Incantation’.

Os músicos demonstraram empolgação por estar tocando aqui novamente – esta foi a 6ª passagem da banda pelo Brasil –, Peter em especial mostrou estar bem entrosado com o Brasil, arriscando algumas palavras em português, e interagindo com a galera de forma simpática. O show continuou rolando cada vez mais pesado e insano, com faixas como “Chaos”. Logo em seguinda, mandaram “One Step To Salvation”, “Demon’s Wind” e “Decapited Saints”. E a cada música tocada, mais e mais gente se empolgava e fazia as “rodas” e moshs crescerem, já no palco também se via energia similar.

Mais para o final, a banda tocou a música “Send Me Back To Hell” e “Cold Demons”, saindo para um bis e retornando com a clássica “Helleluyah (God is Dead)”, encerrando o show que com certeza vai ficar na mente dos presentes pela sua agressividade e qualidade. Enquanto a banda se despedia, os PA’s do Manifesto Bar executavam a Marcha Imperial de Star Wars, já que o nome da banda é inspirado em Darth Vader, o principal vilão da saga. Agradecimentos à ASE Press e Manifesto Bar.

Set List Vader:
Dark Age
Vicious Circle
The Crucified Ones
The Final Massacre
Testimony
Chaos
One Step To Salvation
Demon’s Wind
Decapitated Saints
Breath Of Centuries
Wings
Triumph Of Death
Sothis
Carnal
Silent Empire
Prayer To The God Of War
Send Me Back To Hell
Cold Demons

Helleluyah!!! (God Is Dead)

 

(Visited 108 times, 1 visits today)