CJ Ramone – 17-11-2018 – São Paulo (The House)

Texto por Alvaro Ramos – Fotos por Felipe Buli – Edição por André Luiz

Ir ao show do CJ Ramone é como assistir àquele filme favorito que você já viu milhares de vezes, sabe tudo que vai acontecer, mas ainda assim nunca perde a graça. E no sábado, 17, não foi diferente, em sua mais recente passagem por São Paulo durante uma série de shows pelo Brasil. A apresentação ocorreu no mesmo local das últimas vezes, porém com nova cara e nome: o lendário Hangar 110, que hoje em dia se chama The House. Apesar de algumas reformas as quais mudaram um pouco a aparência do local, CJ se sentiu em casa e fez um show que como de costume, agradou os fãs de Ramones, incluindo no repertório faixas menos clichés da ex-banda, o que levou os fãs mais fervorosos à loucura. Além disso, foi provavelmente o show mais longo que CJ Ramone já realizou em São Paulo, com 1h50m sem pausas – o que para músicas curtas dos Ramones, é um grande tempo.

A abertura da noite ficou a cargo das bandas Filhos de Inácio e Carbona. Com poucas mudanças no palco e no horário marcado, CJ entrou no palco e ao som de “Let’s Go” – faixa de seu mais recente álbum solo ‘American Beauty’ lançado em 2017 – iniciou o show, e sem grandes pausas, seguiu intercalando faixas de seus outros 3 álbuns solo (‘Reconquista’, ‘Understand Me’ e ‘Last Chance To Dance’) com músicas do Ramones. Apesar de ser totalmente perceptível que os fãs queriam mesmo era ouvir as músicas de sua antiga banda, as faixas solo de CJ encaixaram muito bem no set, agradando os presentes.

O show contou com clássicos os quais não poderiam ficar de fora do show de CJ Ramone, como “Judy Is A Punk”, “Rockaway Beach”, “Sheena Is A Punk Rocker” e “California Sun”, além das faixas que o próprio CJ cantou durante sua passagem pelo Ramones, como “My Back Pages” e “Cretin Family”. Mas alguns dos momentos favoritos dos fãs foram exatamente músicas menos executadas nos shows dos ex-Ramones, como “The Crusher” e “Got a Lot To Say”.

Sempre agradecendo aos fãs mas sem muita falação, CJ seguiu com um set list equilibrado e encerrou a primeira parte do show com “R.A.M.O.N.E.S.”, canção escrita pelo grande amigo de sua ex-banda Lemmy do Motorhead. A faixa – considerada pelos fãs uma das maiores homenagens feitas aos Ramones – cita os nomes dos membros da banda, mas no trecho que cita Marky CJ substituiu por uma risada irônica, levando o público as gargalhadas e demonstrando que a tradicional rixa existente entre os dois ex-Ramones persiste.

Após um breve intervalo para se recuperar do calor que fazia na casa de shows, CJ retornou com sua banda para “Danny Says”, “53rd & 3rd”, “I Wanna Be Sedated” e como de costume finalizou ao som de “Blitzkrieg Bop”, a qual levou os fãs à loucura mais uma vez. Ao término, o ex-baixista dos Ramones agradeceu aos fãs com um sonoro “Obrigado São Paulo, Ramones forever” e saiu do palco, deixando os fãs com aquele gosto de quero mais e ansiosos pelo breve retorno. Verdadeiro apaixonado pelos ensandecidos fãs brasileiros, o músico de 53 anos após leve percalço de saúde na apresentação em solo carioca, demonstrou vigor físico e energia no palco da The House com um set list longo calcado não apenas na trajetória de sua ex-banda como em seu próprio repertório solo. Dizer que esperamos seu retorno em breve seria um pleonasmo já que literalmente ano após ano o baixista surge no Brasil com uma nova turnê, portanto, aguardamos que sua saúde sim permaneça revigorada para poder nos brindar por mais vezes com sua vigorosa performance – os fãs agradecem. Agradecimentos à CP Management e The Ultimate Music.

Set List CJ Ramone:
Let’s Go
The Crusher
Yeah Yeah Yeah
You’ll Never Make Me Believe
Cretin Family
Girlfriend In A Graveyard
Judy Is A Punk
Low On Ammo
Rockaway Beach
Baby, I Love You
One More Chance
Strength To Endure
Before the Lights Go Out
Got A Lot To Say
Steady As She Goes
The KKK Took My Baby Away
Psycho Therapy
Three Angels
Commando
Won’t Stop Swinging
Sheena Is A Punk Rocker
I Wanna Be Your Boyfriend
Glad To See You Go
Last Chance To Dance
My Back Pages
California Sun
R.A.M.O.N.E.S.

Danny Says
53rd & 3rd
I Wanna Be Sedated
Blitzkrieg Bop

(Visited 321 times, 1 visits today)